O que é um carro híbrido - Chaveiro BH 24 horas
Belo Horizonte - Minas Gerais (31) 3292-7257 Segunda - Sexta - 8:00 às 18:00
carro híbrido

O que é um carro híbrido

O que é um carro híbrido

Um carro híbrido é aquele que usa mais de um meio de propulsão – isso significa combinar um motor a gasolina ou diesel com um motor elétrico.

As principais vantagens de um híbrido são consumir menos combustível e emitir menos CO2 do que um veículo convencional a gasolina convencional ou a diesel.

Os proprietários de carros híbridos também obtêm benefícios extras na forma de impostos menores no primeiro ano e impostos sobre veículos da empresa, bem como, possivelmente, evitando taxas de congestionamento.

Como funcionam o carro híbrido?

Os carros híbridos possuem um motor convencional, um motor elétrico e uma bateria. Existem três tipos diferentes de híbridos e cada um funciona de uma maneira diferente. Saiba mais sobre o funcionamento de diferentes tipos de carros híbridos.

– Carros híbridos paralelos

Estes são o tipo mais comum de híbrido, e o Toyota Prius é o exemplo mais conhecido. As rodas do carro podem ser alimentadas de três maneiras diferentes: diretamente pelo motor, apenas pelo motor elétrico ou por ambas as fontes de energia trabalhando juntas.

Ao se afastar e a velocidades de até 15 km / h, o Prius usa apenas o motor elétrico para fornecer energia, o que o torna muito econômico para a condução em paradas da cidade. O motor a gasolina entra em ação à medida que a velocidade aumenta e é mais usado durante acelerações difíceis.

Sempre que você desacelerar ou usar os freios, o sistema de frenagem regenerativa produz eletricidade e a armazena na bateria para uso posterior. A bateria é grande o suficiente para que o motor elétrico possa alimentar o carro por até 1,25 quilômetros.

A Toyota também usa este sistema nos hatchbacks Yaris e Auris e híbridos Prius + MPV, enquanto os carros da Audi, BMW, Citroën, Land Rover, Lexus, Mercedes-Benz, Peugeot, Porsche e Volkswagen trabalham na mesma base.

– Carros híbridos de extensor da escala

Estes só usam seu motor convencional para produzir eletricidade para um gerador que recarrega as baterias. O motor nunca dirige o carro, apenas produz energia para o motor elétrico.

O BMW i3 com Range Extender é um dos exemplos mais populares. O Honda Jazz Hybrid também usa um motor elétrico para ajudar seus motores convencionais relativamente pequenos quando necessário.

Os híbridos também são categorizados como fortes ou suaves, dependendo da quantidade de energia da bateria que possuem. Com mais capacidade de bateria, os híbridos fortes podem dirigir mais do que os leves apenas com energia elétrica.

– Híbridos Plug-in

Como o nome indica, este tipo de híbrido pode ser conectado a uma tomada elétrica para recarregar as baterias, além de ser carregado em movimento.

Efetivamente, eles são uma casa intermediária entre híbridos convencionais e veículos elétricos cheios. Embora eles tenham um motor convencional, eles também têm baterias maiores do que os híbridos comuns e podem dirigir longas distâncias apenas com energia elétrica – até 30 milhas em alguns casos.

Há um número crescente de híbridos plug-in disponíveis, incluindo o Mistubishi Outlander, o Toyota Prius e o Volvo V60.

Quais são os benefícios de um carro híbrido?

– Ecologicamente correto

Uma das maiores vantagens do carro híbrido sobre o carro movido a gasolina é que ele funciona mais limpo e tem melhor milhagem de gás que o torna ambientalmente amigável. Um veículo híbrido funciona com motor duplo (motor a gasolina e motor elétrico) que reduz o consumo de combustível e economiza energia.

– Benefícios Financeiros

Os carros híbridos são apoiados por muitos créditos e incentivos que ajudam a torná-los acessíveis. As menores taxas de impostos anuais e a isenção de taxas de congestionamento vêm na forma de menos dinheiro gasto com o combustível.

– Menos dependência de combustíveis fósseis

Um carro híbrido é muito mais limpo e requer menos combustível para funcionar, o que significa menos emissões e menos dependência de combustíveis fósseis. Isso, por sua vez, também ajuda a reduzir o preço da gasolina no mercado interno.

-Sistema de Frenagem Regenerativa

Cada vez que você aplica freio enquanto dirige um veículo híbrido, você pode recarregar um pouco sua bateria. Um mecanismo interno entra em ação, capturando a energia liberada e usando-a para carregar a bateria, o que, por sua vez, elimina a quantidade de tempo e a necessidade de parar para recarregar a bateria periodicamente.

– Construído a partir de materiais leves

Os veículos híbridos são feitos de materiais mais leves, o que significa que menos energia é necessária para rodar. O motor também é menor e mais leve, o que também economiza muita energia.

– Maior valor de revenda

Com o aumento contínuo no preço da gasolina, mais e mais pessoas estão se voltando para carros híbridos. O resultado é que esses veículos verdes começaram a comandar valores de revenda acima da média. Assim, caso você não esteja satisfeito com o seu veículo, poderá vendê-lo a um preço premium para compradores que o procuram.

Há muitas vantagens em possuir um carro híbrido. O que você vai gostar mais é como ele ajuda você a controlar seu orçamento, pois os preços do gás continuam a subir. O outro benefício que não é visto diretamente é como possuir e dirigir um carro híbrido impacta o meio ambiente. Reduz a dependência de combustíveis fósseis e reduz a sua emissão de carbono no meio ambiente.

Desvantagens de um carro híbrido

Há desvantagens em possuir um carro híbrido, mas provavelmente não são o que você pensa. Ao contrário do mito popular, os carros híbridos têm tanto poder quanto os carros comuns e não têm problemas com a direção ou o reboque na montanha. As desvantagens dependerão do tipo de combustível híbrido que seu carro usa.

Aqui estão algumas das desvantagens de um carro híbrido:

– Menos Potência

Os carros híbridos são motor de dois motores. O motor a gasolina, que é a principal fonte de energia, é muito menor em comparação com o que se obtém com um único motor e um motor elétrico de baixa potência. A potência combinada de ambos é geralmente menor que a do motor a gasolina. É, portanto, adequado para a condução urbana e não para velocidade e aceleração.

– Pode ser caro

A maior desvantagem de ter um carro híbrido é que ele pode deixar um buraco no seu bolso. Os carros híbridos são relativamente caros do que um carro a gasolina. No entanto, esse montante extra pode ser compensado com custos de funcionamento e isenções fiscais mais baixos.

– Manipulação mais fraca

Um carro híbrido abriga um motor movido a gasolina, um motor elétrico mais leve e um pacote de baterias potentes. Isso adiciona peso e consome o espaço extra no carro. O peso extra resulta em ineficiência de combustível e os fabricantes reduzem o peso, o que resultou na redução do tamanho do motor e da bateria e menos apoio na suspensão e no corpo.

– Custos de manutenção mais altos

A presença de dois motores, a melhoria contínua da tecnologia e o custo de manutenção mais alto podem dificultar a reparação do carro pela mecânica. Também é difícil encontrar um mecânico com tal conhecimento.

– Presença de alta voltagem nas baterias

Em caso de acidente, a alta voltagem presente dentro das baterias pode ser letal para você. Há uma grande chance de você ser eletrocutado em tais casos, o que também pode tornar a tarefa difícil para os socorristas tirarem outros passageiros e motoristas do carro.

Características do carro híbrido

A adição de um motor elétrico alimentado por bateria aumenta a eficiência de combustível dos híbridos de várias maneiras.

Como o interruptor que desliga a lâmpada da sua geladeira quando a porta está fechada, o “desligamento” é um recurso que desliga o motor convencional do seu carro quando o veículo está parado, economizando combustível. A bateria fornece energia para o condicionador de ar e acessórios enquanto o veículo fica parado nos sinais de trânsito ou no trânsito, e o motor elétrico pode iniciar o veículo em movimento novamente. Se necessário, o mecanismo convencional se reengajará para fornecer mais potência para aceleração.

A “frenagem regenerativa” é outro recurso de economia de combustível. Os carros convencionais confiam inteiramente nos freios de atrito para desacelerar, dissipando a energia cinética do veículo como calor. A frenagem regenerativa permite que parte dessa energia seja capturada, transformada em eletricidade e armazenada nas baterias. Esta eletricidade armazenada pode ser usada mais tarde para operar o motor e acelerar o veículo.

Ter um motor elétrico também permite um design mais eficiente do motor. Esse recurso de “assistência de energia” ajuda a reduzir as demandas de um motor a gasolina híbrido, que, por sua vez, pode ser reduzido e operado com mais eficiência. O motor a gasolina produz menos energia, mas quando combinado com motores elétricos, a potência total do sistema pode ser igual ou superior à de um veículo convencional.

Os híbridos mais eficientes utilizam o “acionamento elétrico somente”, permitindo que o veículo conduza inteiramente com eletricidade e use menos combustível. Em híbridos que não podem ser conectados, o acionamento somente elétrico é normalmente utilizado apenas em baixas velocidades e partidas, permitindo que o motor movido a gás ou diesel opere em velocidades mais altas, onde é mais eficiente. A maioria dos híbridos plug-in – que tendem a ter baterias e motores maiores – podem dirigir totalmente com eletricidade em velocidades relativamente altas por longas distâncias.

Diferenças entre híbridos e outros EVs (Veículos elétricos)

Os híbridos que não podem ser recarregados a partir de uma tomada não são geralmente considerados veículos elétricos, pois dependem exclusivamente de gasolina ou diesel para obter energia. Os híbridos plug-in, descritos acima, são considerados veículos elétricos, juntamente com veículos movidos a baterias elétricas e células de combustível a hidrogênio.

Veículos elétricos a bateria usam apenas um motor elétrico e bateria, evitando motores convencionais por completo. Como eles não usam gasolina ou diesel, os eletrodomésticos da bateria geralmente são mais limpos e mais baratos para abastecer do que os veículos híbridos e convencionais.

Os veículos movidos a célula de combustível de hidrogênio acionam um motor elétrico e uma bateria, convertendo o gás hidrogênio armazenado em eletricidade usando uma célula de combustível. Esses veículos estão apenas começando a chegar ao mercado, mas oferecem grande potencial como alternativa de baixo carbono para carros e caminhões convencionais, já que não têm emissões de escape, emissões reduzidas de aquecimento global e podem ser reabastecidos em um posto de gasolina semelhante a um veículo a gasolina.

Leave a comment