maltodextrina

Maltodextrina: antes ou depois do treino? Leave a comment

Maltodextrina: antes ou depois do treino? – Tomar os seus suplementos da forma correta pode ser definitivo para a eficácia ou não deles. Entre vários fatores que podem influenciar esse consumo, o horário é um dos mais importantes. Por exemplo, tomar o seu whey protein antes do treino pode ser consideravelmente menos benéfico do que tomar ele imediatamente após a prática de exercícios físicos.

A Maltodextrina é um suplemento muito utilizado por atletas e não atletas praticantes de musculação. Muitas pessoas não sabem qual é o momento mais indicado para consumir esse suplemento. Por esse motivo, nesse artigo iremos responder a seguinte pergunta: Maltodextrina: antes ou depois do treino?

O que é a maltodextrina? – Maltodextrina: antes ou depois do treino

A maltodextrina é uma substância orgânica classificada como um carboidrato. Dessa forma, pode ser retirado de vários alimentos do nosso dia a dia, como o milho, a batata, dentre outros. O malto – como é popularmente chamado – é um suplemento de velocidade média na absorção, o que o caracteriza como uma boa fonte desse tipo de nutriente.

O elemento é classificado como um carboidrato composto, isto é, uma junção de vários carboidratos simples ligados em corrente. Sendo assim, na maltodextrina é capaz de encontrar frutose, dextrose, dentre outros.

Apesar de ser um carboidrato composto, a maltodextrina possui uma atuação diferente do que os outros classificados dessa maneira. Isso se deve ao fato de que a sua cadeia não é tão grande como os outros nutrientes complexos, mas também não é única para ser classificada como um carboidrato simples.

Para que serve a maltodextrina? – Maltodextrina: antes ou depois do treino

Hoje em dia, se formos a uma loja especializada em suplementos alimentares, provavelmente poderemos encontrar dezenas – se não centenas – de opções em suplementos alimentares. Marcas diferentes, tipos diferentes, nomes distintos, concentrações distintas. Tudo isso pode fazer com que o consumidor fica confuso e não saiba qual suplemento adquirir.

Por esse motivo, nosso site se compromete em falar do máximo de suplementos possíveis, de forma a destacar quais são os seus benefícios no corpo de seus consumidores. No caso da maltodextrina, os seus efeitos são os seguintes:

  • Energia: A Maltodextrina é um carboidrato. Apenas por ser esse tipo de nutriente, funciona como um combustível para o corpo humano, tendo em vista que é convertido em glicose e esta, por sua vez, em ATP (combustível em si). Tomar boas doses de maltodextrina fará com que você tenha mais energia e, como é liberado de forma gradual, essa energia durará por um tempo considerável;
  • Pico de insulina: A insulina é um hormônio liberado automaticamente pelo corpo humano quando os níveis de glicose no sangue sobem. Entre outras funções, uma das coisas que a insulina faz é abrir as células, fazendo com que os nutrientes entrem com mais facilidade. Dessa forma, tomar a maltodextrina juntamente com outros nutrientes – como uma fonte de proteína – pode elevar a taxa de absorção desse nutriente;

Maltodextrina: antes ou depois do treino?

Essa é uma das dúvidas mais comuns quando o assunto é o consumo de suplementos: qual o melhor horário para tomar maltodextrina: antes ou depois do treino?

Na verdade, em qualquer um dos dois horários será benéfico tomar esse suplemento. Para o pré treino, ele irá fornecer grandes quantidades de energia para o seu corpo. Essa é liberada gradualmente, o que pode fazer com que os treinos durem consideravelmente mais tempo.

Já no pós treino, o pico de insulina é, sem nenhuma dúvida, o maior benefício. Este, no entanto, só pode ser sentido caso você tome juntamente com outro nutriente, como o BCAA e o whey protein. Esse benefício, porém, é melhor aproveitado quando você toma a dextrose.

Sendo assim, para melhores resultados, o mais indicado é que antes da prática de exercícios físicos você tome um shake de maltodextrina. Já no pós treino, a dextrose pode ter um desempenho consideravelmente melhor. Isso se dá pelo fato de que este último libera mais insulina em menos tempo, fazendo com que as proteínas sejam consumidas de forma ainda mais rápida.

 

Gostou desse artigo sobre “Maltodextrina: antes ou depois do treino?”? Deixe nos comentários abaixo a sua opinião e os efeitos desse suplemento no seu corpo. Acompanhe também os outros textos do nosso blog, a fim de saber tudo sobre o mundo da musculação. Você também pode se interessar pelos seguintes artigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *